quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Aprendiz de pescador - Parte I

"Pequena,

Sempre gostei de detalhes. Sejam eles do tamanho que for. Sempre gostei de reparar os seus olhos, por exemplo. Pra ser sincero, sempre gostei de reparar você. De prestar atenção nos seus detalhes, e nos seus momentos. E foi daí, que surgiu algo que eu não sei o que é. Tenho a impressão que te vejo com olhos de pescador, que observa o mar como se buscasse cumplicidade. Com um profundo sentimento de quê não se sabe nada, até você se aproximar.
E eu ainda não me aproximei o suficiente pra saber tudo sobre você. Mas te olhei com olhos de pescador, pequena. Porque assim como ele, eu busco cumplicidade. Cumplicidade em você. E sei que você, não vai me dar outra resposta se não um "sim". Sabe porquê eu sei? Porque eu sempre gostei de reparar os seus olhos. E eles me contaram, que você é toda minha a partir de hoje.



Beijos,

Aprendiz de Pescador"

2 comentários:

Dinha disse...

Lindo o textoo.
(:

__jey disse...

Você é uma grande escritora, keikeu"
Lindo o texto! Mesmo.
Me remete a muitas coisas bonitas! :)
Adorei também o layout!
Você é a luz do fim do poço do Sim, Crônicas.